[ECOTUTORIAIS][bleft]

10 Plantas que você Deve Ter em Sua Ecovila Vegana

Fonte

Ecovilas podem ser uma solução para quem quer viver de uma maneira mais sustentável, mais próximo da natureza e com mais bem-estar. Assim, em ecovilas, pretende-se, geralmente, empregar vários preceitos da permacultura, usando da bioconstrução para criar as estruturas e as casas do local, cultivando alimentos orgânicos e produzindo energia limpa, tudo sem poluir.
No caso das plantas, existem algumas espécies que podem ajudar e muito a manter a ideia de auto-suficiência da ecovila, sem que haja necessidade de se trocar dinheiro por produtos na cidade, mas quais são estas plantas e como elas podem ajudar a ecovila a ser ainda mais auto-suficiente e mais sustentável?
Aqui, listei algumas das plantas que não só servem como alimento, mas também para o dia a dia, tornando possível a convivência sem impacto ambiental e sem violência.

1 - Saponária (Sapindus mukorossis, Sapindus sp.)


Os frutos da saponária podem gerar sabão, detergente, xampu e sabonete. Fonte

A Saponária é uma das árvores mais versáteis e mais importantes em uma ecovila vegana. Isto porque, seus frutos contém uma grande quantidade de saponinas, surfactantes naturais que ajudam a misturar a água com o óleo em processos de lavagem. Com os frutos, é possível fazer detergente para lavagem de louça, sabão para lavagem de roupas, sabonete e xampu e todas estas soluções podem ser facilmente despejadas em esgotos de bananeira ou outras formas de tratamento permacultural de águas cinzas, pois o produto é totalmente biodegradável e não contém metais pesados, além de ser atóxico no meio-ambiente.

Para saber mais sobre como fazer o sabão, acesse o texto “A incrível árvore de fazer sabão”.

2 - Ora pro nobis (Pereskia aculeata) 


Ora pro nobis é ótima fonte de proteína, principalmente do aminoácido essencial triptofano. Fonte

A Ora pro nobis é uma trepadeira espinhosa e botanicamente configura-se como uma cactácea primitiva. Ela também é atualmente considerada como uma planta alimentícea não-convencional e contém uma alta quantidade de aminoácidos essenciais, ou seja, ela pode ser considerada como uma ótima fonte de proteínas vegetais e, em uma ecovila vegana, é imprescindível. Além das folhas, as flores também podem ser aproveitadas como alimento em saladas e a planta toda serve como cerca viva. Vale lembrar que a Ora pro nobis é fácil de pegar e cresce rápido.

Para saber mais sobre a Ora pro nobis, acesse o texto “Ora pro nobis: proteína em um pedaço de mato”.

3 - Coqueiro (Cocos nucifera)


Todas as partes do coqueiro podem ser aproveitadas. Fonte

O coqueiro é uma planta incrivelmente versátil. Suas folhas podem produzir objetos de qualidade quando trançadas e seu fruto tem uma importância significativa, pois tudo é aproveitável. Primeiramente, a água do coco é um soro fisiológico natural e pode ser usado como substituto do soro caseiro em diarreias, após exercício físico e em caso de desidratação. Com a “carne do coco” é possível obter o leite de coco, as fibras que sobram podem ser usadas em pães, biscoitos e bolos e é possível obter o óleo de coco, que pode ser usado na culinária, mas também na confecção de pasta de dentes e hidratante natural para o corpo, além de ótimo remédio para assaduras em crianças. Por fim, a casca do coco pode ser utilizada como tigela ou pode ser usada para geração de energia limpa.
Para saber mais sobre os poderes do coco, acesse o texto “A revolução dos cocos

4 - Castanha portuguesa (Castanea sativa)


A castanheira gera muito alimento, rico em proteínas e carboidratos. Fonte

Foi visitando um sítio de um colega que percebi a importância da castanheira portuguesa, pois esta árvore produz uma quantidade bastante importante de castanhas, com as quais pode-se obter aminoácidos essenciais, vitamina E e C e ferro, ou seja, ela pode ser uma ótima fonte nutricional para a comunidade da ecovila vegana, além de nos presentear com uma quantidade considerável de castanhas no período da colheita. Interessante é que as castanhas caem da árvore protegidas por uma casca espinhosa e isto ajuda a proteger o fruto de animais, ou seja, nem é preciso ir até a copa para colher a castanha. Por fim, a árvore produz bastante sombra.

5 - Bucha (Luffa aegyptica, Luffa cyllindrica)


Bucha de limpeza, esfoliante e alimento. Fonte

A bucha vegetal não pode faltar em qualquer ecovila, quiçá em qualquer local com um quintal razoável, isto porque ela é fácil de cultivar e produz buchas, que podem ser usadas na confecção de esponjas para lavar louça ou de banho e mesmo como um utensílio indispensável na limpeza do dia a dia, substituindo a necessidade por panos especiais, principalmente aqueles de plástico tão anti-ecológicos. Vale lembrar que a bucha é totalmente biodegradável e atóxica.

Para saber mais sobre a bucha vegetal, visite o texto sobre ela: "Por que trocar a bucha sintética pela vegetal?"

6 - Paineira / Barrigudinha / Paina (Ceiba sp.)


enchimento de travesseiro, colchão e tecidos. Fonte

A paineira é uma árvore que demanda muitos anos para se desenvolver, porém seus frutos são extremamente úteis e por isso, é interessante plantar para uso à longo prazo. Em primeiro lugar, os frutos da paineira produzem uma grande quantidade de algodão natural. Com este algodão é possível fazer enchimento natural para travesseiros, edredoms e colchões, tornando a paineira uma ótima fonte de material de isolamento térmico em ecovilas, sem que se necessite plantar algodão, o qual demanda muita água para sua produção. Além disso, o algodão da paineira pode ser esterilizado e usado em primeiros socorros. Por fim, ele é um ótimo acelerante para produção de fogo, sendo bastante inflamável.


7 - Juá / Juazeiro (ziziphus juazeiro)


O juá é medicinal e seu pó vira pasta de dentes. Fonte

O Juazeiro é uma das árvores mais importantes da lista, pois sua casca, folhas e frutos podem ser utilizados. A casca possui grande quantidade de saponinas, que, assim como a saponária, podem produzir xampu, sabonete, detergente e sabão em pó natural. Moída em pó, a casca também pode ser usada como pó dental, tendo ação bactericida e anti-inflamatória, apresentando benefícios para doenças da gengiva. Por fim, os frutos são comestíveis e ricos em vitamina C.

8 - Abacate


Alimento rico em gorduras boas, pode ser usado para tingir tecidos, chpas medicinais e artesanato. Fonte

Por que abacate e não outra frutífera qualquer? Simples: o abacateiro produz grande quantidade de frutos com alto teor de gorduras e vitamina E, ambas importantíssimas para a saúde humana. Seu uso culinário é diversificado e pode ser usado tanto em saladas, molhos e pratos quentes, como em sobremesas e vitaminas. Mais: a semente do abacate também é rica em saponinas e pode ser usada para preparar xampus e sabões, além de poder ser usadas como acessórios em adereços quando secas.
Para saber mais, visite o texto sobre Usos da semente de abacate: "5 formas surpreendentes de usar semente de abacate"

9 - Citronela (Cymbopogon sp.)


Protege as plantações de insetos e funciona como repelente par ao corpo e casa. Fonte

Indo um pouco além das árvores, a citronella é uma gramínea de aparência muito similar ao capim santo (também conhecido como capim-limão ou erva-cidreira), mas, ao contrário deste, ela não pode ser ingerido. A citronela é imprescíndivel em qualquer ecovila porque ela é um repelente de insetos natural, ajudando a comunidade a controlar potenciais pragas ou mosquitos e moscas dentro de casa ou na cozinha. Ter um touceira ao redor da casa, afasta muitos insetos, mas o óleo essencial extraído dela pode ser usado para confeccionar velas repelentes ou pode ser usado, misturado a um óleo carreador, como amêndoas ou coco, produzindo um ótimo creme repelente natural.

10 - Moringa (Moringa oleifera)


todas partes são úteis e possui grande quantidade de aminoácidos essenciais. Fonte

As folhas da moringa são comestíveis e possuem mais proteína que o ovo, mais cálcio que o leite, mais vitamina C que a laranja e ainda possui iodo e ferro. Atualmente, ela está sendo usada para combater a sub-nutrição em alguns países na África e pode ser uma ótima fonte de proteínas, vitaminas e minerais em uma ecovila vegana.

Reflexão


Nós temos muitos tesouros, como as PANCs. Fonte

Nem todas estas plantas são nativas do Brasil, apesar do seu potencial enorme. É importante lembrar que além delas, existem muitas plantas alimentíceas não convencionais que crescem facilmente, às vezes sem necessidade nenhuma de manejo e que também possuem muitas propriedades nutricionais ou que podem ser usadas no dia a dia. Para conhecer mais sobre elas, clique no texto “Plantas alimentíceas não-convencionais”.

Gostou? Compartilhe e não deixe de se tornar um seguidor via FacebookGoogle+ ou Twitter. Assine também nossa Newsletter.

Paz!



Autora: Camila Gomes Victorino 




Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Um comentário :

  1. Adorei a matéria. Muito bom saber de como podemos viver saudáveis sem utilizar elementos quimícos que tanto nos prejudicam quanto agridem à Natureza. Obrigada!

    ResponderExcluir

Ajude a Enriquecer o nosso Blog, Contribuindo com sua Opinião!


[REFLEXÕES][grids]