[SUSTENTABILIDADE][bleft]

Dizendo adeus ao Sabão em Pó e Amaciante





Com máquina ou sem máquina de lavar, todos usam sabão em pó e amaciante para lavar as roupas. O problema é que ambos são danosos ao meio-ambiente, poluindo a água em que são misturados. O sabão em pó, por exemplo, possui em sua composição o fosfato, o qual além de poluir as águas, ainda libera grande quantidade de gás na atmosfera, quando de sua fabricação. Outro elemento perigoso é o quaternário de amônia, que prejudica a vida marinha, de rios e lagos e pode causar alergias e irritações na pele e olhos. Até o final deste ano, o fosfato deverá ser retirado de todas as marcas de sabão em pó, porém existem ainda outros elementos que poluem o meio-ambiente, como o cloro – que atua como branqueador – e substâncias de origem mineral, vulgo petróleo, as quais poluem o ambiente durante seu processo de fabricação e após o uso do produto.
O sabão em pó e o amaciante polui as águas, pode causar alergias e irritação na pele e contamina o ar durante o processo de fabricação. Atualmente existem uma série de alternativas para substituir esses produtos sem prejudicar o  meio-ambiente.

Atualmente, existem várias marcas de sabão que contém elementos naturais - como o sabão de coco - e que evitam a adição de poluentes, todavia, ainda assim esses elementos contribuem para a poluição das águas e o que dirá para a interferência na saúde da pessoa que manipula o detergente. Já o amaciante também apresenta o quaternário e o fostato, prejudicando também a vida aquática.
Vale lembrar que o Brasil não é um país exemplar quando se trata de tratamento de esgoto e que, mesmo em São Paulo, grande parte do nosso esgoto vai para os córregos e rios, já por demais poluídos, que acabam por desaguar no mar. Sendo assim, mesmo se o tratamento de esgoto fosse solução, ele não o é no Brasil.
Não escrevi este post para falar dos males de detergentes em geral, mas de várias soluções que existem atualmente para solucionar o problema. A primeira delas é ir a um grande supermercado e comprar uma marca ecológica, como “BioWash” ou “Amazon”, entretanto, os preços são bem elevados o que inviabiliza esta solução para a maioria das pessoas.

Outra saída é fazer o próprio sabão a partir do óleo velho – comumente guardado em garrafas PET. Nota-se que esta solução é eficiente, mas demanda tempo e muito cuidado, já que ocorre manipulação de soda cáustica. Outra solução é trocar o detergente pelo sabão de coco e solubilizar a pedra do sabão na água, utilizando esta água como uma espécie de sabão líquido na máquina. A roupa, aí, ficará dura e o amaciante pode ser substituído pelo vinagre.
Mas, se você ainda não tiver tempo para fazer tudo isso ou não tiver coragem de usar vinagre, eu sugiro utilizar as “Ecoballs”. Este objeto é uma nova tecnologia que utiliza biocerâmicas para limpar a roupa. Segundo os fabricantes, as biocerâmicas atuam de modo a facilitar a entrada das moléculas de água pelas frestas do tecido, aumentando a eficiência da água para limpar o tecido. De fato, é o mesmo princípio do sabão, mas ao invés de ser químico, é físico. Ela não utiliza sabão, deixa a roupa macia e pode ser reutilizada por mais de 1000 lavagens, custando em média R$ 50,00, o que gera economia de dinheiro e do meio-ambiente. Seu único problema é que as biocerâmicas são envoltas numa bola de plástico, a qual, no fim da vida, deve ser disposta na reciclagem.


Eu, particularmente, utilizo as “Ecoballs”. Elas são realmente eficientes, mas para que funcionem as roupas devem ser deixadas de molho por algumas horas antes de colocá-las na máquina. Quando não tenho tempo, deixo na função molho da máquina de lavar e tudo se resolve. Como não tem sabão, a roupa fica macia, já que o único motivo de usarmos amaciante é que o sabão deixa a roupa dura.
Bem, abaixo seguem algumas dicas sobre as soluções envolvidas no texto. Cabe a cada um escolher a melhor para si. As “Ecoballs” foram uma boa escolha para mim, mas para você pode ser outra. Boa sorte então e vamos lavar roupa sem poluir o meio-ambiente!

Receita de sabão caseiro com óleo usado

Ingredientes:
½ de soda em escama (sólida).
1 litro de água fervente.
2 litros de óleo (gordura).
½ de álcool (pode ser do posto de gasolina).
50 ml de essência.
Formas.

Modo de fazer:
Primeiramente em um balde coloque a soda e a água e mexa bem para dissolver, depois coloque o óleo e mexa por mais uns minutinhos sem parar, depois disso acrescente o álcool e continue mexendo bastante, quanto mais misturar melhor o sabão irá ficar. Assim depois que endurecer acrescente a essência a gosto. Depois despeje em uma forma, de preferência de plástico, daquelas quadradas. Assim no dia seguinte desenforme e corte no tamanho que desejar.
Fonte: BlogBrasil

Amaciante de vinagre ou de bicarbonato

Adicione ½ copo americano de vinagreou ¼  de bicarbonato de sódio durante o enxágüe da roupa. Algumas máquinas possuem sessão espercífica para o amaciante. Você pode colocar o vinagre ou bicarbonato no local que ela adicionará o produto apenas no momento do enxágüe. Lembrando que o vinagre não estragará a máquina, já que ele ajuda a tirar o excesso de sabão das máquinas usadas a muito tempo, aumentando o período de vida da máquina.





Ecoballs

As "Ecoballs" podem ser encontradas em diversas lojas atualmente, porém todas virtuais. Eu não conheço lojas físicas que vendam o produto. Para encontrá-las no Brasil procure por "bolas ecológicas para lavar roupa". De fato, "Ecoball" é uma marca, mas existem várias outras marcas atualmente, como "Washing Ball" e "OkoBalls". Não existe fabricante nacional. Vale lembrar que dependendo da quantidade de roupa e da sujeira, mais de uma bola será necessária. Nas especificações do produto, o fabricante explica a quantidade de roupa que cada bola consegue limpar. Por fim, para aumentar a eficiência é importante deixá-la no Sol uma vez por mês, durante um dia.

Aprenda também a usar uma planta para lavar roupa! Ela produz sabão!

Autora: Camila Arvoredo

Paz!



Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

21 comentários :


[BELEZA NATURAL][grids]