[ECOTUTORIAIS][bleft]

Como Fazer Sua Própria Geladeira

PorCamila Gomes Victorino


A geladeira de terracota funciona por
evaporação. Mais simples impossível!
Fonte: CedricCeleumas
Existe uma utilidade doméstica muito utilizada que parece ser intransponível em termos de auto-suficiência: a geladeira. Enquanto conseguimos substituir um fogão por um forno solar ou deixar as roupas de molho com “ecoballs”, substituindo a máquina, nós ainda parecemos não encontrar nenhuma solução ecológica e auto-suficiente para a geladeira. Até agora!
A geladeira gasta quase um terço da energia elétrica diária de uma cozinha e ela é um dos aparelhos mais caros que existe em uma casa. Apesar disso, ela é essencial para manter leites vegetais, sobras de alimentos ou manter vegetais frescos por mais tempo. Comprar uma parece ser inevitável, mesmo que a grandes prestações, porém em ecovilas ou comunidades afastadas da civilização ou da rede elétrica, criar uma solução que não necessite de energia pode ser um caminho viável e auto-sustentável. Além disso, a geladeira é muito cara e para pessoas que preferem desenvolver seus próprios aparatos, diminuir seu impacto ambiental, ou se tornar mais auto-suficientes do sistema, poder criar sua própria geladeira torna-se imprescindível.

A geladeira de terracota não polui e não gasta.
Você se torna auto-suficiente e ajuda o meio-ambiente.
Fonte: Permaculture
Mas como é possível criar sua própria geladeira? Vamos lembrar que na África e em muitos países subdesenvolvidos, algumas pessoas não têm nenhuma condição de comprar, mesmo que parcelado, um objeto como este, assim será então que estas comunidades afastadas não têm condições de refrigerar alguns de seus produtos? E no caso de nossos antepassados, como eles faziam? Bem, na maioria dos casos, tudo é fresco, mas em alguns países africanos, Ásia ou América Latina um simples princípio científico deu asas à imaginação: a evaporação da água leva calor com ela, resfriando a superfície onde a água se mantinha anteriormente. Este é um princípio simples e é usado comumente na natureza, sendo inclusive este o mecanismo de resfriamento do corpo humano pela sudorese.
Pensando neste princípio, desenvolveu-se uma geladeira de barro, muito simples, que utiliza vasos de jardim ou filtros de barro antigos. Vamos ver como se procede para produzir nossa própria geladeira e se ver livre de vez deste eletrodoméstico tão caro e tão poluente:

E foi do barro que ela veio! Mais simples impossível!
Fonte: WolfInTransition
Ingredientes
2 vasos de jardim grandes de terracota
Água
Areia
1 Prato de vaso
1 tampa para o vaso maior
1 grelha com pezinhos
1 pires

Um dos vasos deve ter 8 cm de diâmetro a mais que o outro.

Modo de fazer
Coloque o vaso maior em cima de uma grelha grande e resistente o suficiente e posicione o prato de vaso embaixo da grelha. Coloque o vaso menor dentro do maior e preencha o espaço entre os dois com areia até a borda. Umedeça a areia com água e mantenha sempre úmido. A água em excesso será retida pelo prato e a grelha ajuda na troca constante da água, pois não será preciso levantar a geladeira todas as vezes para retirar o pratinho. Coloque o pires dentro do vaso menor. Este pires vai evitar que o excesso de umidade do fundo do pote menor danifique os alimentos. Está pronta.

Além do vaso, você pode moldar sua própria
geladeira e criar formas diferentes e mais práticas.
Fonte: PermaculturingInPortugal
Após colocar os alimentos, certifique-se de tampar a geladeira. Um prato grande pode ser utilizado como tampa, caso você não encontre uma tampa de tamanho ideal. Por fim, certifique-se de sempre manter a areia úmida e de trocar a água todos os dias, para evitar o mosquito da dengue ou outros insetos.

Esta geladeira é um excelente substituto em regiões sem energia elétrica ou em ambientes de ecovilas. Ela realmente esfria o interior do vaso menor já que a água que evapora da terracota resfria a mesma. 

Liberte-se, pensando ao contrário. Fonte: GDeSantis
E no caso de congelados?
Se você pensou em fazer esta geladeira, a ideia de congelados deve ser deixada para trás, mas isso não é um problema sério, já que alimentos frescos são sempre mais saudáveis. Apesar disso, caso você queira comer um sorvete ou uma pizza congelada, procure se organizar para comprar a quantidade exata para a visita ou família e no momento em que se vai comer. Claro que tudo isso exige medidas de organização e mudança de hábitos, mas você não estaria dando uma passada no blog se esta não fosse justamente a sua intenção, não é? Pensar ao contrário exige um pouco de criatividade, mas depois que conseguimos nos tornar mais e mais auto-suficientes do sistema, o sentimento de felicidade que a independência dá e o tempo economizado com trabalhos inúteis, que antes tínhamos que realizar para sempre ganhar mais e mais dinheiro, nos dá ainda mais impulso de continuar e ajudar a melhorar o mundo.

Guia Detalhado Da Geladeira Sustentável





















Paz!




 Pensando ao contrário

Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

2 comentários :

  1. Ricardo Alferes25/08/2014 18:51

    Muito boa iniciativa! A princípio, acredito que quase todo mundo vai pensar que é impossível, estamos tão acostumados com a comodidade que qualquer coisa fora dela parece um absurdo, por isso que eu adoro este blog!
    Hoje em dia eu uso uma moringa de barro para ter água fresca sempre à disposição sem precisar de geladeira.
    Paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ricardo! Fico muito contente com o seu comentário! Gratidão e muita paz!

      Excluir

Ajude a Enriquecer o nosso Blog, Contribuindo com sua Opinião!


[REFLEXÕES][grids]